Sobre

O grupo de pesquisas Leituras da Escandinávia Medieval é formado por pesquisadores nacionais e estrangeiros com experiência, com quadro formativo especializado em estudos medievais no Brasil e no exterior. Entende-se a Escandinávia Medieval como o espaço que sofreu influência dos chamados Normandos (nortmanni), estendendo-se e contraindo-se entre os séculos V e XV, de acordo com os desenvolvimentos sócio-políticos, econômicos e culturais do norte europeu. Medieval é, nesse sentido, a Escandinávia integrada à dinâmica cultural centro-europeia, sobretudo a partir da hegemonia franca. Confira abaixo outras premissas do LEM:

Nosso Interesse.

Interessa ao grupo as relações entre a Escandinávia e os mundos franco, anglo-saxão e germânico, bem como a integração do território nórdico na dinâmica continental europeia do período medieval. Trata-se, portanto, de uma proposta que vem complementar o ambiente de estudos sobre a Escandinávia medieval, deslocando a centralidade das pesquisas para o contexto das inter-relações entre os povos e culturas.

Nossa aproximação.

Partindo de uma concepção teórica vinculada à Vorstellungsgeschichte, cuja proposta está focalizada na investigação das concepções e idealizações dos sujeitos no passado, à Antropologia Histórica e à História Cultural, o grupo se organiza em torno das diversas leituras realizadas pelos autores e agentes medievais acerca da Escandinávia.

Nossa meta.

Pretende-se, em cooperação com os grupos já existentes no Brasil, aumentar a difusão do conhecimento sobre a Escandinávia medieval no contexto nacional, bem como consolidar os esforços de internacionalização da produção brasileira sobre o tema, através de uma clara proposta de cooperação com especialistas de diversas tradições historiográficas.

ACESSO RÁPIDO